O impacto da conversão de tudo para serviço (Vantagens e Desvantagens)


#1

A essa altura vocês já devem ter percebido que é mais fácil encontrar mídia física para PS4 do que para Xbox One nas grandes lojas de varejo pelo nosso pais, principalmente de lançamentos que não sejam da Microsoft, e quando encontramos estão sempre mais caros, com incentivos de vendas mais voltados para o PS4.

Fiz um levantamento a este respeito e ouvi afirmativas no sentido de que é mais vantajoso para a loja física comercializar games do PS4 do que do Xbox, principalmente após o Game Pass.

Obviamente as lojas de varejo organizam seus estoques pela demanda e aqui mesmo temos um tópico onde a maioria mantem sua biblioteca digital. Qual o impacto disso ?

Bem, existe um rumor de que vender produtos Microsoft não trás retorno financeiro devido a concorrência com a própria e por isso estariam boicotando o Xbox em pro do PS4, e isso não só em games mas em consoles e acessórios também.

Eu viajo bastante pelo nosso pais e de fato é nítida a diferença, a diversidade de opções voltadas para o PS4 é muito maior seja em lojas especializadas ou em grandes varejistas.

Qual a opinião de vocês a respeito ? Seria uma resistência a um futuro inevitável ? Falta modernização e adaptação ? Início do fim das mídias físicas ? Onde estamos e para onde vamos ??


#2

Sobre o assunto de mídias x digital eu acho que com o tempo a praticidade do digital irá superar o fisico. Até porque hoje vc ganha o CD e pronto! Antigamente vinham com folders maneirissimos e uns brindes as vezes.

Sobre a questão de vender PS4 ser mais fantajoso pode até ser verdade, mas o lucro no brasil dos lojistas é mínimo! Por isso muitos contrabandeiam da fronteira. PAgar mais de 70% de imposto em qualquer coisa é demais para mim!

Eu quis abrir uma loja a um tempo atras e desisti, meu lucro por jogo (comprando de revendedores oficiais) seria de 15 reais no máximo!


#3

De fato é algo que eu vinha notando também à um tempo.

Quando se vai à uma loja que tem games, a grande maioria e diversidade é do lado do PS. Claro, que se levar em consideração onde eu moro, há muito mais pessoas jogando o PS ao Xbox.

Contudo, como o @TgRoque18 disse, a mídia digital é o próximo passo no futuro. Não só por conta de que vai superar a mídia física. Mas por questões ambientais, facilidade de venda e de praticidade ao se jogar algo.

Como eu havia dito em outro tópico, Mídia física é para colecionadores e a digital é o futuro.

Quanto às perguntas que você fez @Sergio_Oliveira, não vejo como uma falta de modernização por parte da sony. Uma resistência à um futuro inevitável? Talvez. Mas quem sabe eles não mudem a forma de pensar, uma vez que abriram as pernas pro crossplay e estão lançando um console retrô.

É esperar para ver. Mas ao que tudo indica, em breve eles vão ceder à esse avanço.

E infelizmente quem vai sofrer com isso nem é o consumidor, mas sim as lojas de games.


#4

@Will aqui no Brasil é pra colecionadores. Lá fora a venda e usados é gigante. Tenho amigos nos EUA que só compram usados e pagam pouquissimo!

Eu acho que o gamepass veio como um serviço a mais.

Atualmente só não compro midia fisica pq divido a conta, mas no resto eu compro ainda.


#5

Esqueci desse fator, os usados.

Sei que quem é campeã nessas vendas é a Game Stop. Recentemente fui pra quelas bandas e a Best Buy acabou me decepcionando (em vários quesitos). Antes eles tinham uma sessão apenas de usados, agora não tem mais.


#6

Eu lembro que na época que saiu The Evil Within 2, estava impossível de achar a versão física para Xbox One. Wolfenstein 2 tb e curiosamente, os dois são da Bethesda. Não sei se foi algum acordo com os representantes daqui…
Eu nunca tive problema com minhas mídias de Xbox, mas conheço muita gente que teve. Não sei se foi sorte minha…